Quer comprar os famosos biquínis Salinas por apenas R$29,90 ? Clique na foto!

Quer comprar os famosos biquínis Salinas por apenas R$29,90 ? Clique na foto!
Clique na foto e seja levado à nossa loja com mais de 5.000 biquínis

domingo, 22 de janeiro de 2012

‎"MUITAS VEZES CHORAMOS NÃO PORQUE SOMOS FRACOS, MAS POR TERMOS SIDO FORTES DURANTE MUITO TEMPO".





Quando li essa frase no espaço da Adrianna Pires, achei interessante, mas percebi depois o quanto ela se aplica a minha pessoa.

Já ouvi dos outros que pareço uma pessoa muito segura, muito confiante, bem resolvida, ou algo que o valha.

Na verdade, era apenas praticidade, diante de situações que me exigiam tomadas de decisão.

Ou ainda porque não sou dada a "morrer de véspera" , o que, na verdade, é uma baita economia de talento...

Porém... isso não quer dizer que você será uma fortaleza para sempre. Hoje, choro com uma facilidade incrível, o que não vale para reprise de 'A Vida Secreta das Abelhas' na sessão da tarde, tampouco pra comercial de margarina, inclusive quando algo me comove positivamente. 

Dia desses, por exemplo, fiquei muito sensibilizada ao perceber que certos laços não se desfazem independente da ação do tempo e/ou da distância. 

Que às vezes, mesmo que doa muito, temos que nos retirar da vida de pessoas tão felizes, mas tão felizes, que a nossa presença afeta a estrutura e rotina da tal felicidade e sem saber porque, acabamos promovendo brigas e discórdias, sendo assim, nos tocamos e passamos a não ser bem vindos,bem vistos, benquistos ou aguardados como seria o esperado.

Se tem alguma coisa que eu aprendi e que nunca esquecerei é que a gente não pode pedir às pessoas mais do que elas podem dar. 

Não espere nada dos outros, pois a ilusão é traiçoeira e a decepção pode doer muito. 

Fantasiar ou ter amores platônicos é diferente, bem diferente de você esperar gestos, ou palavras de alguém. 

Quando você para de criar expectativas e planos em cima destas pessoas a decepção é bem menor. 

Mas a verdade é que qualquer pessoa pode te machucar, você só tem que escolher por quem vale a pena sofrer. 

E, eu com certeza sei escolher, por quem meu sofrimento vale a pena.

Bem... o fato é: DEVEMOS VIVER BEM COM O QUE TEMOS. 

Quanto ao que (ou quem) falta, nada como o tempo para curar a ferida e/ou preencher o vazio.

De tudo, o que fica é a certeza que devemos viver as emoções, incluindo as alegres.



Postar um comentário

Google+